top of page

Kalanchoe thyrsiflora: Orelha-de-elefante

Atualizado: 15 de mar. de 2023


Kalanchoe thyrsiflora, também conhecida como Orelha-de-elefante, é uma suculenta popular em jardins e casas em todo o mundo. Originária da África do Sul, esta planta é valorizada por suas folhas arredondadas e azul-acinzentadas, que formam uma roseta densa semi-aberta.


Esta planta é uma excelente escolha para aqueles que procuram uma suculenta de baixa manutenção, já que é muito resistente e tolera condições extremas de seca e calor intenso.


As folhas da Orelha-de-elefante são tão únicas que parecem ter sido pintadas à mão. Suas folhas são cobertas por uma espessa camada de cera, a pruína, que as protege da perda de água e do sol intenso, e quando estressadas, ou seja, expostas a sol intenso pleno, baixas temperaturas ou falta de água, suas folhas ficam com as margens avermelhadas. A combinação das cores verde-azulado, vermelho e branco faz com que esta suculenta seja um destaque em qualquer jardim.


As flores da Kalanchoe thyrsiflora são um amarelo brilhante e crescem em longas hastes que emergem do centro da roseta. Suas flores são o que as diferem da Kalanchoe luciae, essa apresenta flores verde-amareladas. E as folhas da luciae são bem mais avermelhadas do que as da thyrsiflora.


Embora seja relativamente fácil de cuidar, existem algumas coisas que os jardineiros devem ter em mente ao cultivar essa kalanchoe. Em primeiro lugar, é importante que a planta seja cultivada em solo bem drenado, pois a planta não tolera a água empoçada. Além disso, ela prefere luz solar plena, então certifique-se de colocá-la em um local ensolarado.


Em resumo, a Kalanchoe thyrsiflora é uma suculenta bonita e fácil de cuidar que é uma ótima escolha para jardineiros iniciantes ou experientes. Essa suculenta adicionará um toque especial ao seu jardim e é garantido que atrairá muitos olhares admirados.

 

Luminosidade: Sol pleno.


Regas: Sempre que o solo já estiver seco. Regar até escorrer um pouco de água pelo fundo do vaso e conferir se a terra já secou totalmente antes de regar novamente.


Substrato: Pronto para suculentas ou para plantas ornamentais a base de turfa e casca de pinus moída. Com boa drenagem.


Fertilização: Uma vez na primavera e uma vez no verão, com fertilizante para cactos ou NPK 10-10-10 bem diluído em água (diluo pelo dobro de água do recomendado na embalagem).


Propagação: Por folhas ou brotos laterais.


Família: Crassulaceae

Gênero: Kalanchoe

Nome científico: Kalanchoe thyrsiflora

 

Comments


bottom of page