Aprenda a importância de adaptar uma suculenta ao sol


Crédito foto: Unsplah - Sheelah Brennan

Você comprou uma suculenta colorida, e vai correndo colocá-la no lugar mais ensolarado da casa, correto? Certo, mas antes temos que adaptá-la.


O verão nem chegou e o sol da primavera aqui em SP está escaldante. A maioria das suculentas amam e precisam do sol, mas como não sabemos há quanto tempo elas estão em uma loja (ambiente fechado) precisamos adaptá-las novamente ao sol, assim evitamos queimaduras.


Começar com o sol da manhã ou final da tarde

O sol antes das 11 da manhã e do final da tarde é mais ameno e perfeito para começar.


Aumente o tempo de exposição aos poucos

Dependendo da região que você morar de 7 a 10 dias elas já estarão habituadas de novo com o sol.

Foto: Pexels Nadi Lindsay


Importante observar os sinais das suculentas

Se notar manchas brancas ou translúcidas nas folhas são sinais de queimaduras, talvez seja necessário fazer uma adaptação mais longa ou até mesmo trocar a suculenta de lugar.


Manchas marrons

São queimaduras mais intensas. Sinal de alerta se as manchas estiverem bem ao meio da roseta da suculenta. Nesse caso provavelmente ela já está sendo "torrada"pelo sol. É difícil salvar quando queima muito na parte central da roseta.


Suculentas coloridas e verde bem claras precisam do sol

Mas não tenha medo do sol, as coloridas e verde bem clarinhas precisam muito do sol, a maioria das espécies de 4 a 6 horas diárias de sol. Caso não recebam a quantidade ideal de sol irão estiolar (perdem seu formato natural) e o viço.


Mudas que brotaram no jardim ao ar-livre ou em varandas e janelas ensolaradas não é necessário fazer a adaptação, pois elas já cresceram sempre com o sol.

Foto: Unsplash - Yen Vu

Curso Definitivo de Terrários Abertos e Terrários Fechados | Online 2020

JUNTE-SE A NÓS

TERRÁRIOS & SUCULENTAS

COTIA - SP - BRASIL

CNPJ: 29.060.262/0001-23

aliceterrarios@gmail.com

​© COPYRIGHT TERRÁRIOS E SUCULENTAS 2016-2020